quarta-feira, junho 29, 2011

Albert Einstein - para relaxar

 Conta-se que depois que Einstein ficou famoso, ao estar participando de uma recepção nos EUA, uma belíssima atriz de Hollywood chegou até ele e sugeriu: Sr Einstein, creio que nós dois deveríamos ter um filho! Imagine uma criança com a minha beleza e com a sua inteligência! Einstein refletiu por um segundo e respondeu: Creio que não senhorita, imagine se a criança nasce com a sua inteligência e a minha beleza!

terça-feira, junho 14, 2011

Física Quântica - Módulo II

Com muita alegria convido a todos para a turma do Módulo II de Física Quântica. Não é preciso ter feito o Módulo I para participar.

O curso será nos dias 01, 08 e 15 de agosto das 19h às 22:30, na Sala de Convenções do Edifício Palace Executive Center situado na Rua Padre Anchieta 1691, Champagnat, Curitiba.

Ministrante: Eliane P. Serra Xavier
Mestre em Física Teórica na área de Mecânica Quântica pela UFPR
Especialista em Ensino de Física pela UFRJ.

O curso inclui:
- Entrega de certificados;
- Um coffee break com produtos orgânicos;
- Sorteio do Livro "O Ativista Quântico"

Informações pelo tel 9886-1769 das 14 às 18h ou pelo e-mail fisicaquantica@uol.com.br

clique na imagem para ampliar

sábado, junho 11, 2011

Turma do Curso de Física Quântica

Nosso jantarzinho quântico para assuntos de outras dimensões.
Metade da turma compareceu.
Como disse a Maristela, ser gênio e ganhar o prêmio Nobel é com o Einstein, mas ser gênio e sair bem na foto só os alunos quânticos mesmo! Valeu turma!

quarta-feira, junho 08, 2011

Estudos sobre o sorriso revela resultados surpreendentes - imperdível!

Ron Gutman revê uma série de estudos sobre o sorriso e revela resultados surpreendentes. Você sabia que o seu sorriso pode prever quanto tempo você irá viver e o seu sucesso na vida - e que um simples sorriso possui um efeito mensurável do seu bem estar? Prepare-se para mexer alguns músculos faciais enquanto você aprende mais sobre esse comportamento evolucionário contagiante. Clique em:

http://www.ted.com/talks/lang/por_br/ron_gutman_the_hidden_power_of_smiling.html

terça-feira, junho 07, 2011

Físicos conseguem capturar antimatéria por 16 minutos


Cientistas fizeram um grande progresso na busca incessante pela antimatéria, um tipo de matéria rara no universo: eles conseguiram “prendê-la” por mais de 16 minutos em laboratório, tempo considerado uma eternidade na física de partículas.
A antimatéria é como uma imagem espelhada da matéria. Para cada partícula de matéria (um átomo de hidrogênio, por exemplo), existe uma partícula de antimatéria correspondente (nesse caso, um átomo anti-hidrogênio) com a mesma massa, mas com carga oposta.
Na verdade, os cientistas disseram que aprisionar átomos de anti-hidrogênio, ou seja, isolar as tais partículas exóticas, se tornou tão rotineiro que eles esperam em breve começar experiências com a substância rara.
“Pegar” a antimatéria é difícil, porque quando ela entra em contato com a matéria, as duas se aniquilam. Assim, um recipiente de antimatéria não pode ser feito de matéria normal, mas geralmente é formado por campos magnéticos.
No novo estudo, os pesquisadores capturaram anti-hidrogênio através da mistura de antiprótons com pósitrons (antielétrons) em uma câmara de vácuo, onde se combinaram em átomos anti-hidrogênio.
Todo o processo ocorreu dentro de uma “garrafa” magnética que tira proveito das propriedades magnéticas dos antiátomos para mantê-los estáveis. Uma garrafa normal, feita de matéria comum, não seria capaz de segurar a antimatéria, porque quando os dois tipos de matéria se encontram, elas se aniquilam.
Depois que os pesquisadores “prenderam” a antimatéria na garrafa magnética, puderam detectar os antiátomos presos através do desligamento do campo magnético, permitindo que as partículas se aniquilassem com a matéria normal, o que cria um flash de luz.
A equipe já conseguiu captar 112 antiátomos nessa nova armadilha, em tempos que variam de um quinto de segundo a mil segundos, ou 16 minutos e 40 segundos. Até hoje, desde o início do projeto, os cientistas capturaram 309 átomos anti-hidrogênio em várias armadilhas.
A esperança dos pesquisadores é que, até 2012, eles tenham uma nova armadilha com acesso a laser para permitir experimentos de espectroscopia nos antiátomos, fornecendo mais informações sobre as propriedades da antimatéria.
Dessa forma, eles estariam mais perto de responder uma questão que tem afligido os físicos: por que há apenas matéria comum em nosso universo?
Os cientistas acreditam que a matéria e a antimatéria foram produzidas em quantidades iguais durante o Big Bang que criou o universo, há 13,6 bilhões anos. No entanto, hoje não há nenhuma evidência de galáxias ou nuvens de antimatéria, e ela é vista raramente e por períodos curtos, por exemplo, durante alguns tipos de decaimento radioativo antes de se aniquilar em uma colisão com matéria normal.

Fonte de pesquisa:
http://hypescience.com/fisicos-conseguem-capturar-antimateria-por-16-minutos/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed%3A+feedburner%2Fxgpv+%28HypeScience%29

segunda-feira, junho 06, 2011

Espaço, tempo e gravidade - Teoria da Relatividade Geral

Em 1915, 10 anos após a publicação de seu artigo sobre a Relatividade Especial, Albert Einstein publica a Relatividade Geral, que inclui os efeitos gravitacionais. Veja no vídeo como um corpo massivo, um planeta, por exemplo, deforma o espaço/tempo a sua volta fazendo com que outros corpos de menor massa fiquem em órbita em torno dele. Genial!

video

Paradoxo dos Gêmeos - Teoria da Relatividade

teoria da relatividade Einstein
Na teoria da relatividade, cada observador tem sua própria medida de tempo, isso leva ao famoso paradoxo dos gêmeos.
Imagine que um dos gêmeos parte para uma viagem espacial durante a qual ele viaja próximo à velocidade da luz, enquanto seu irmão permanece na Terra. Por causa do movimento dele, o tempo flui mais devagar na espaçonave, conforme visto pelo irmão na Terra.
Assim o viajante ao retornar à Terra descobrirá que seu irmão envelheceu mais do que ele.
Embora isto pareça contrariar o senso comum, vários experimentos bem como a teoria da relatividade, indicam que nesse cenário o gêmeo viajante voltaria mais jovem.
Obviamente o experimento citado se torna impossível de ser realizado, pelo fato de que para existir realmente uma diferença temporal perceptível a velocidade do viajante deveria ser próxima à velocidade da luz e durante um tempo considerável.

fonte de pesquisa: http://fisicomaluco.com/wordpress/2008/05/14/o-paradoxo-dos-gemeos-consequencia-da-teoria-da-relatividade/

Teoria da Relatividade de Eisntein

Vídeo mostra os conceitos básicos da Teoria da Relatividade Especial concebida por Albert Einstein em 1905 quando o física tinha apenas 25 anos. Conceitos como dilatação do tempo, contração do espaço, relatividade da simultaneidade e crescimento da massa (relação massa e energia, E=mc2) são mostrados no vídeo.

video